Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Dólar tem queda e volta a ser negociado aos R$ 3,84

Impulsionado por commodities, Ibovespa fecha no azul; ações da Vale têm alta de 2,7% e da Petrobras, 1,6%

À espera de notícias sobre o andamento da reforma da Previdência, o dólar caiu 0,61% nesta segunda-feira, 8, e fechou negociado a 3,84 reais, a menor cotação em 17 dias.

A falta de novidades sobre o andamento da economia mundial criou um cenário de realização de lucros neste começo da semana, de acordo com Hugo Simas Carone, analista da Ativa Investimento. 

No Brasil, a moeda norte-americana está atrelada ao noticiário em relação à reforma da Previdência, embora tenha outros fatores de influência, a aprovação das novas leis da aposentadoria são de extrema importância para que os investidores estrangeiros fiquem ou venham ao país, segundo Carone.   

Já o Ibovespa, principal índice da bolsa de valores brasileira, teve pregão sem viés bem definido nesta segunda feira, 8. O índice fechou com alta de 0,27%, aos 97.369,29 pontos, impulsionado pelas ações da Petrobras e da Vale.

O petróleo e o minério de ferro foram os pontos positivos do pregão. A Vale teve alta de 2,71% e a Petrobras, de 1,63%. As duas são empresas de peso no índice.

Como o dólar, a bolsa de valores brasileira aguarda informações sobre a reforma da Previdência. “Não tivemos notícias fortes o suficiente para impactar o mercado hoje, então o índice fica sem direcionamento”, disse o analista da Mirae Asset, Pedro Galdi.