Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Dólar fecha abaixo de R$ 4, com mercado otimista por nova lei cambial

Moeda americana cai 1,2% para R$ 3,98; Ibovespa teve leve alta de 0,18%

Por da Redação Atualizado em 29 Maio 2019, 18h17 - Publicado em 29 Maio 2019, 18h04

O dólar comercial recuou 1,2% nesta quarta-feira, 29, e fechou a 3,98 reais. Essa é a menor cotação desde o dia 10 de maio deste ano, quando chegou a 3,94 reais. Na terça-feira, a moeda americana operou em baixa e fechou o dia vendido a 4,01 reais (-0,27%). 

O fator preponderante para a queda do dólar nesta quarta-feira foram as notícias sobre a conversibilidade do real, segundo Reginaldo Galhardo, gerente de câmbio da Treviso Corretora. “Isso traz segurança para o país. Você tem uma moeda forte, tem um País afeito a procurar por investidores”, afirmou. O mercado financeiro também continua otimista com a perspectiva de aprovação do texto da reforma da Previdência na Câmara dos Deputados.

  • O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, disse hoje que a instituição planeja um processo longo e gradual de adaptação das leis que regem a compra e a venda de moeda estrangeira no Brasil. Além de facilitar a entrada de investidores estrangeiros no País e os negócios de exportadores e importadores brasileiros, a modernização da legislação sobre câmbio permitirá no longo prazo que pessoas físicas abram contas em dólar no Brasil.

    O Ibovespa registrou leve alta de 0,18%, fechando a 96.566 pontos, acompanhando o movimento do dia anterior, com expectativa de avanço na pauta econômica do governo. Na terça, o principal índice da bolsa brasileira registrou alta de 1,61%, chegando aos 96.393 pontos.

     

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade