Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Empreendedores utilizam consórcio para expandir negócios

O consórcio, modalidade de crédito tipicamente brasileira, já é bastante comum no segmento de carros, onde representa 1 em cada 4 vendas realizadas, de acordo com a ABAC – Associação Brasileira de Administradoras de Consórcio. A entidade divulgou, ainda, que o sistema de consórcio registrou crescimento de 24,06% no primeiro trimestre deste ano em relação ao ano passado.

Porém, poucas pessoas perceberam que o consórcio também é uma boa opção para quem precisa comprar, trocar ou reformar um imóvel ou, ainda, contratar um serviço de alto valor. Especialmente os empreendedores.

Os planos flexíveis, a ausência de juros e a facilidade de contratação são algumas das vantagens do consórcio. Por outro lado, a falta de definição sobre a data de contemplação pode ser considerada uma desvantagem e afastar os empreendedores.

“Consórcio e planejamento são praticamente sinônimos”, aponta a educadora financeira Lorelay Lopes. “Quem não tem o hábito de poupar e investir encontra no consórcio a melhor opção, pois ele pode ser visto como uma poupança forçada. Assim, é possível planejar a renovação de uma frota de carros ou a reforma de um escritório, por exemplo, contribuindo mensalmente com parcelas mensais que cabem no bolso”, afirma a especialista.

Quem tem um pouco mais de pressa também pode optar pela modalidade. “Sempre é possível ofertar um lance e torcer para a oferta ser contemplada”, completa Lorelay.

Ou seja: uma mudança de perspectiva pode aproximar o empreendedor daquilo que ele deseja concretizar.

Planejando a expansão futura

A rede de supermercados São Vicente, com sede em Nova Odessa, a 130 quilômetros da capital paulista, costuma usar o consórcio para fazer melhorias ou ampliações em suas lojas. Já a corretora de seguros AFASeg, de São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, aderiu à modalidade para aumentar suas instalações e para impulsionar suas receitas com um novo produto.

Ambas as empresas optaram pelo consórcio de serviços contratado na Embracon, administradora de consórcio que há 30 anos atua no mercado. Nesse período, a Embracon entregou mais de meio milhão de bens móveis e imóveis, e aposta na expansão do consórcio de serviços, que oferece desde setembro do ano passado.

O vice-presidente de negócios da Embracon, Luís Toscano, aponta os benefícios desse crédito para os empreendedores. “O empreendedor é o tipo de pessoa que melhor sabe se planejar. Tanto que, ao mesmo tempo em que paga aluguel por um escritório ou um ponto comercial, mantém uma cota de consórcio. Assim, pagando um pouquinho por mês, ele pode programar a compra de um terreno ou imóvel, por exemplo.” O executivo acredita que é durante a crise, inclusive, que o sistema de consórcios tende a se fortalecer.

Francisco Tambolini, diretor financeiro da rede São Vicente, concorda. “O consórcio é uma facilidade. Essa dívida de longo prazo (120 a 180 meses), sem correção pelo IOF e pela Selic (apenas taxa de administração e INCC anual, no caso de imóveis), melhora o fluxo de caixa. E quando precisamos, é só acompanhar e ofertar um lance próximo da realidade”, diz.

Como usar o consórcio nos negócios

O consórcio de serviços ainda é uma modalidade pouco conhecida, mas que possibilita usos diversos, facilitando a vida dos empreendedores. Uma das possibilidades é usar a carta de crédito para contratar consultorias ou profissionais especializados, que ajudam a incrementar os negócios. Também pode ser usada na contratação de uma agência de marketing e comunicação, alternativa indispensável para atrair clientes e alavancar as vendas.

Luis Toscano pontua outras opções para os empreendedores: “Ele pode contratar os serviços de um contador para uma auditoria interna, reformular o catálogo de vendas ou, ainda, ampliar o imóvel da empresa. Ou seja, dá para usar consórcio de serviços para o que precisar”, ressalta o executivo.

Para ter uma ideia mais clara dos benefícios do consórcio, basta fazer uma simulação no site. Sabendo o valor necessário para o investimento, o empreendedor consegue escolher a quantidade e o valor das parcelas. Assim, pode contratar o plano que mais se enquadre no orçamento e evitar dores de cabeça no futuro.

“O consórcio é uma ótima opção para empreendedores de todos os portes. É acessível, flexível e muito menos burocrático do que outras linhas de crédito. Então, sugiro ao empreendedor que acesse o nosso site, tire todas as dúvidas e faça uma simulação na Embracon. Ele vai perceber que com o consórcio terá muito mais vantagens”, finaliza Toscano.

Website: http://www.embracon.com.br