Clique e assine a partir de 9,90/mês

Diesel terá desconto de 46 centavos a partir de sexta-feira, diz governo

Carlos Marun disse que o Ministério da Justiça redige portaria que garantirá a redução dos preços na bomba; haverá penalização para quem descumprir a regra

Por Ricardo Rossetto - Atualizado em 30 May 2018, 21h43 - Publicado em 30 May 2018, 21h23

A partir de sexta-feira, 1, o preço do óleo diesel nos postos de combustíveis de todo o país terá o desconto de 46 centavos por litro. A garantia foi dada pelo ministro-chefe da Secretaria de Governo, Carlos Marun, nesta quarta-feira, 30.

Marun afirmou que o compromisso assumido pelo governo “é com o preço que o diesel chegará ao consumidor final”, e que “já há condições” para o combustível sair das refinarias com o desconto prometido durante as negociações com os caminhoneiros, que iniciaram greve em todo o país no dia 21 de maio.

O ministro não explicou de que maneira o governo vai garantir os descontos na bomba, e afirmou que o Ministério da Justiça deverá terminar “até a meia-noite” de hoje uma portaria que regulamentará as regras para os postos de combustível – e suas punições, para o caso de quem descumprir a determinação.

 

Continua após a publicidade

De maneira geral, Marun disse que os preços a partir de sexta-feira deverão apresentar desconto de 46 centavos em relação ao preço que cada posto praticava no dia 21 de maio – dia anterior ao início das mobilizações da categoria pelas estradas do país.

A regra, disse Marun, determinará que cada posto sinalize qual era o preço praticado uma semana atrás, e coloque ao lado o desconto. “No mínimo será de 0,46 centavos, mas em alguns estados pode ser até maior, por conta das diferenças das alíquotas do ICMS que incidem sobre esse combustível”, afirmou.

O ministro disse que o governo “está correndo” para que o presidente assine a portaria, que deve ser publicada em uma edição extra do Diário Oficial da União desta quinta-feira, 31.

Publicidade