Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Desemprego na zona do euro se mantém em 11,7% em dezembro

Número de desempregados fica em 18,7 milhões de pessoas - sendo a Grécia o país com o maior porcentual de desemprego

O desemprego alcançou 11,7% ( ou 18,7 milhões de pessoas) na zona do euro em dezembro e ficou estável em relação ao mês anterior, segundo dados do departamento de estatísticas da União Europeia, Eurostat. No final de 2011, o número havia ficado em 10,7%.

A taxa de desemprego continua crescendo entre os mais jovens da zona do euro, onde 24% deles estavam sem emprego em dezembro do ano passado, disse a Eurostat.

Mais uma vez, os dados de emprego mostram os grandes desequilíbrios entre os países do norte e do sul da Europa. Enquanto na Áustria o desemprego foi de 4,3%, na Alemanha e em Luxemburgo, de 5,3% (em ambos os casos), e na Holanda, de 5,8%. Já na Espanha, este índice chegou a 26,1% em dezembro do ano passado. Na Grécia, por sua vez, foi de 26,8%.

Entre os mais jovens, a taxa mais elevada foi registrada na Espanha (55,6%). Os dados neste caso tampouco são tão bons para os países do norte ou classificados com a melhor nota de solvência, “triplo A”. Na Alemanha, 8,0% da população economicamente ativa com menos de 25 anos estava sem trabalho em dezembro. Na Áustria este número chegava a 8,5%, e na Holanda a 10%.

(Com agência France-Presse)