Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Desemprego atinge em novembro menor taxa desde 2002

Taxa ficou em 5,7% no mês passado, uma queda de 0,4% em relação a outubro

A taxa de desemprego no país caiu para 5,7% em novembro – o menor nível desde o início da série histórica, em 2002. Os dados fazem parte da Pesquisa Mensal de Emprego (PME), divulgada nesta sexta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No mês passado, o desemprego apresentou queda de 0,4% ante outubro. Em novembro do ano passado, a taxa estava em 7,4%.

Segundo o IBGE, o recorde mensal atingido em novembro é o quarto consecutivo. Em outubro, ao cair para 6,1%, a taxa de desemprego já havia batido o menor patamar da série histórica. A parcela da população desempregada também atingiu o menor nível da série história no mês passado: 1,359 milhão de pessoas. O número representa uma queda de 5,9% ante outubro, segundo o IBGE. Já em relação a 2009, a queda foi de 20,7% ou 357.000 pessoas.

Aa população ocupada permaneceu estável nas seis regiões metropolitanas pesquisadas (São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Recife, Salvador e Porto Alegre), em 22,4 milhões de pessoas, com crescimento de 0,2% em relação a outubro e 3,7% no acumulado de 2010.

O número de trabalhadores com carteira assinada no setor privado se manteve estável em novembro na comparação a outubro, somando 10,4 milhões de pessoas. Na comparação anual, o crescimento foi de 8,7%, o equivalente a 839.000 postos trabalho.

De acordo com o IBGE, o rendimento médio real (descontada a inflação) dos trabalhadores recuou 0,8% em novembro em relação a outubro, passando para 1.516,70 reais. O valor, porém, subiu 5,7% na comparação com novembro do ano passado. A massa de rendimento médio real habitual apresentou de queda de 0,6% em relação a outubro e ficou em 34,4 bilhões de reais. Em relação ao mesmo período de 2009, o crescimento foi de 9,6%.