Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Demanda por voos domésticos é recorde para julho

Segundo a Anac, taxa de ocupação de voos de passageiros também é a maior já registrada para o mês desde 2000, início da pesquisa

A demanda e a oferta do transporte aéreo doméstico de passageiros e a taxa de ocupação de julho de 2012 foram recordes para o mês, segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) divulgou nesta segunda-feira. Em julho, a demanda por transporte aéreo doméstico cresceu 7,86% quando comparada com igual mês de 2011. Já a oferta aumentou 2,06% no mesmo período.

Estes foram os maiores níveis para o mês de julho desde o início da série de dados comparativos da agência em 2000. No acumulado do ano (janeiro a julho de 2012), a demanda subiu 7,39% em relação a igual período de 2011, enquanto a oferta ampliou-se em 7,47%.

Em termos de crescimento da demanda, a Avianca e a Trip se destacaram, com 70,22% e 68,66%, respectivamente, em relação ao sétimo mês do ano passado. A TAM apresentou crescimento de 10,11% na demanda de julho de 2012 e a Gol teve redução de 7,07% no mesmo período.

Ocupação – A taxa de ocupação dos voos domésticos de passageiros alcançou 79,45% em julho de 2012, contra 75,18% em igual mês de 2011. Segundo a agência, o porcentual também foi o melhor para o mês de julho. No período de janeiro a julho de 2012, a taxa ficou praticamente estável (71,41%) em relação o mesmo período de 2011 (71,47%). Azul e TAM registraram as maiores taxas de ocupação no mês passado – 82,42% e 81,43%, respectivamente.

Leia mais:

Empresa aérea só pode cobrar até 10% para remarcar voo

Para TAM e Gol, custos devem forçar reajuste de tarifa

Azul oficializa David Neeleman na presidência da companhia

Market share – TAM e Gol lideraram o mercado doméstico em julho com participação de 41,87% e de 32,95%, respectivamente. No acumulado dos sete primeiros meses de 2012, a participação das líderes alcançou 40,03% e de 33,92%, respectivamente.

A participação das demais empresas no mercado doméstico subiu de 20,75% em julho de 2011 para 25,19% em julho deste ano. No acumulado de janeiro a julho de 2012, a participação de mercado das demais empresas acumulou alta de 30,76% em relação ao mesmo período do ano passado, segundo a Anac. Dentre elas, Avianca e Trip registraram o maior crescimento, passando de 3% para 4,74% e de 3% para 4,68%, respectivamente.

Exterior – Ainda de acordo com a Anac, a demanda do transporte aéreo internacional de passageiros das empresas aéreas brasileiras caiu 2,33% na comparação de julho de 2012 e 2011, enquanto a oferta também caiu 1,34%, no período. De janeiro a julho de 2012, entretanto, houve crescimento da demanda em 0,59%, mas a oferta teve redução de 1,79% quando comparadas com o mesmo período de 2011.

A TAM registrou redução de 3,33% na demanda internacional em julho, mas a Gol obteve expansão de 20% no mesmo mês. Em junho a Gol informou que vai parar de voar para Santiago a partir de 3 de outubro, decisão tomada, segundo a companhia, com base em estudos de viabilidade da rota.

A TAM, com 87,11%, e a Gol, com 12,89%, representaram a totalidade das operações de empresas brasileiras no transporte aéreo internacional de passageiros em julho de 2012. A TAM registrou redução de 1,03% na sua participação no mercado internacional em relação ao mesmo mês de 2011. A Gol auemntou em 22,86% sua participação no mesmo mês.

Já a taxa média de ocupação dos voos internacionais operados por companhias brasileiras diminuiu entre 2011 e 2012, passando de 84,96% para 84,11% no mês passado. O melhor aproveitamento em julho de 2012 foi alcançado pela TAM, com 86,07%, enquanto o desempenho da Gol foi de 72,93%.

(com Agência Estado)