Clique e assine a partir de 9,90/mês

CSN desiste de comprar empresas na Europa

Por Da Redação - 16 set 2011, 09h23

Por AE

São Paulo – A Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) rescindiu o contrato de aquisição de empresas de aços longos e cimento do Grupo AG, localizadas na Espanha e na Alemanha, por “descumprimentos contratuais”, conforme comunicado divulgado na manhã de hoje.

A subsidiária CSN Steel, sediada na Espanha, havia firmado em maio com o Grupo Alfonso Gallardo um contrato para aquisição das empresas Cementos Balboa (cimento e clínquer), Corrugados Azpeitia, Corrugados Lasao (ambas de aços longos), Stahlwerk Thüringen GmbH (também de aços longos, na Alemanha) e Gallardo Sections (distribuidora).

“A rescisão se deu com fundamento nos termos e condições previstos no próprio contrato e a CSN Steel vem tomando as medidas adequadas para preservar seus direitos”, afirma no comunicado o diretor executivo de Relações com Investidores, David Moise.

Continua após a publicidade

Na época do anúncio, o valor do negócio divulgado era de 543 milhões de euros pela compra das ações, além de assunção de dívida e outros ajustes no valor de cerca de 403 milhões de euros.

Publicidade