Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Corte do PIB do 4o trimestre dificulta recuperação britânica

Por Da Redação
28 mar 2012, 08h32

LONDRES, 28 Mar (Reuters) – A economia britânica encolheu mais do que se pensava inicialmente nos últimos três meses de 2011 devido a um enfraquecimento do setor de serviços, aumentando a tensão sobre sua capacidade de voltar ao crescimento no começo de 2012.

A Agência Nacional de Estatísticas (ONS, na sigla em inglês) disse que a economia se contraiu em 0,3 por cento entre outubro e dezembro do último ano, levando a taxa anual de crescimento para 0,5 por cento. Isso ficou abaixo das expectativas de economistas para leituras não revisadas de menos 0,2 por cento no trimestre e de menos 0,7 por cento no ano.

Analistas destacaram ligeiras revisões negativas no consumo privado e do governo, mas também uma queda na escala de contração do investimento, de menos 2,8 por cento para menos 0,6 por cento.

No entanto, à parte a própria revisão do índice principal, os números deram poucas pistas novas sobre o destino da economia no primeiro trimestre, dado particularmente que muito vai depender das medidas de austeridade do governo que ainda estão para ser implementadas.

Continua após a publicidade

A ONS disse que a revisão para baixo no PIB do quarto trimestre foi puxada pelos setores financeiro, de serviços empresariais, de transporte e de comunicação. A produção total do setor de serviços foi revisada para baixo para mostrar uma queda de 0,1 por cento.

Os dados mostraram ainda que as finanças das famílias continuaram sob pressão, caindo 0,2 por cento no trimestre, enquanto a taxa de poupança diminuiu para 7,7 por cento, o nível mais baixo desde o começo do ano.

(Reportagem de Fiona Shaikh e Peter Griffiths)

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.