Clique e assine com até 92% de desconto

Correios estudam parceria com aérea para e-commerce

Por Da Redação 1 ago 2012, 15h30

Por Vanessa Stecanella

São Paulo – O vice-presidente dos Correios, José Furian Filho, disse nesta quarta-feira que a empresa tem avançado nos estudos para uma parceria estratégica com alguma companhia aérea para atender a demanda do e-commerce no Brasil. De acordo com ele, desde o ano passado, após a aprovação do novo estatuto do Correios, uma equipe vem analisando as possibilidades para atender, principalmente, localidades mais afastadas dos grandes centros e agilizar a logística para o varejo online. “O novo estatuto permitiu mudanças que visam a evolução dos Correios no mesmo ritmo do crescimento do varejo.”

De acordo com Furian, atualmente a empresa tem um custo anual de cerca de R$ 300 milhões e aeronaves que ficam paradas durante a maior parte do tempo. “Temos mercado que demanda esse negócios e aeronaves que são utilizadas apenas quatro horas por dia, podendo atender outras demandas de um possível parceiro”, disse o executivo após palestra no “Brazilian Retail Week 2012”, evento que acontece nesta quarta-feira na capital paulista.

O vice-presidente do Correios preferiu, no entanto, não estimar um prazo para a conclusão dos estudos. “O assunto é complexo e depende de autorização do governo”, afirmou, sem citar nomes de possíveis parceiras para o projeto de logística.

Continua após a publicidade
Publicidade