Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Copom define nova taxa de juros; mercado aposta em alta

Perspectiva é de que aperto monetário para combater a inflação prossiga e o colegiado eleve a taxa para 8,5% ao ano

Por Da Redação 10 jul 2013, 08h03

Após reunião de dois dias, o Comitê de Política Monetária do Banco Central anuncia nesta quarta-feira a nova taxa básica de juros do país, a chamada Selic. A expectativa do mercado, segundo pesquisa Focus divulgada pelo BC na segunda-feira, é de que o colegiado promova a terceira alta consecutiva dos juros e eleve a Selic em 0,5 ponto porcentual. A taxa chegaria, assim, a 8,5% ao ano.

Leia também:

Inflação desacelera em junho, mas excede teto da meta

FMI corta projeção de crescimento do Brasil para 2,5%

O quadro interno de inflação alta e crescimento fraco vai pesar na decisão de política monetária. O Copom manteria, dessa maneira, o ritmo de aperto monetário a que deu início para tentar conter a inflação. A expectativa do mercado é corroborada pela inflação registrada em junho, de 0,26%. Embora o índice tenha registrado desaceleração, a inflação em 12 meses estourou o teto da meta do governo, chegando a 6,7%.

A curva de juros futuros havia chegado a embutir expectativa majoritária de alta de 0,75 ponto porcentual na Selic nesta semana, mas esse cenário perdeu força, com a maioria das apostas nos últimos dias apontando para 0,5 ponto. Os analistas consultados no Focus também mantiveram a projeção para a taxa básica de juros a 9,25% no final de 2013 e de 2014.

Para a inflação, o Focus projeta uma leve desaceleração do índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) para 2013 de 5,87% para 5,81%. Para este mês de julho, as apostas são de que o IPCA deva cair de 0,25% para 0,24%; mas para agosto, o indicador oficial de inflação subiria de 0,30% para 0,31%.

(Com agência Reuters e Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade
Publicidade