Clique e assine a partir de 9,90/mês

Confiança dos consumidores americanos diminui em janeiro

Por Da Redação - 31 jan 2012, 14h52

Nova York, 31 jan (EFE).- A confiança dos consumidores dos Estados Unidos na evolução da economia do país recuou em janeiro, um mês após ter atingido seu nível mais alto desde abril, informou nesta terça-feira a consultoria privada The Conference Board.

O índice de confiança caiu 61,1 pontos em janeiro, comparado com os 64,8 de dezembro do ano passado, um mês em que a empresa revisou para cima o número anunciado inicialmente, de 64,5 pontos.

No último mês de 2011, o indicador tinha ficado a níveis recordes havia oito meses, graças em grande medida ao impulso decorrente da temporada de compras de Natal do fim do ano.

‘A confiança dos consumidores recuou em janeiro após duas fortes altas nos últimos dois meses de 2011’, explicou a diretora do Centro de Pesquisa sobre Consumidores da The Conference Board, Lynn Franco.

Continua após a publicidade

‘No curto prazo, os consumidores estão um pouco mais otimistas sobre o mercado de trabalho, embora menos otimistas sobre as condições empresariais e suas perspectivas de renda’, explicou Franco, segundo quem o encarecimento da gasolina pode ter tido a ver também no retrocesso de janeiro.

O subíndice que analisa a confiança dos consumidores americanos na situação atual da economia e no mercado de trabalho caiu até 38,4 pontos em janeiro, comparado com os 46,5 do mês anterior, o que representa seu ponto mais baixo desde novembro de 2011.

Já o subíndice relativo à confiança dos consumidores a respeito de como será o panorama econômico e trabalhista dentro de seis meses retrocedeu para 76,2 pontos, comparado com os 77 de dezembro. EFE

Publicidade