Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Confiança do consumidor recua 0,3% em outubro

Segundo a FGV, foi registrado um menor otimismo com a possibilidade de novos ganhos nos meses seguintes

Por Da Redação 25 out 2012, 11h43

O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) da Fundação Getulio Vargas (FGV) recuou 0,3% em outubro na comparação com setembro, ao passar de 122,1 pontos para 121,7 pontos, informou a FGV nesta quinta-feira.

Segundo a FGV, houve manutenção da percepção de melhora na situação atual, porém foi registrado um menor otimismo com a possibilidade de novos ganhos nos meses seguintes. Em setembro, o índice havia subido 1,4% na comparação com agosto.

O Índice da Situação Atual (ISA) subiu 1%, passando de 136,4 pontos em setembro para 137,7 pontos em outubro. Já o Índice de Expectativas recuou 1%, de 115,0 pontos para 113,8 pontos no período. A proporção de consumidores que avaliam a situação atual como boa aumentou de 24,5%, para 24,9%, e a dos que a consideram ruim diminuiu de 21,3% para 20,3% no mesmo período.

Por sua vez, o indicador que mede a intenção de compras de bens duráveis nos próximos meses recuou 1,8% em outubro. O indicador passou de 88,7 para 87,1 pontos, o menor nível desde fevereiro deste ano (79,8 pontos).

Assim, a parcela dos consumidores que projetam comprar mais diminuiu de 17,5% para 16,2%, enquanto a dos que preveem comprar menos aumentou de 28,8% para 29,1%.

Apesar disso, o governo tem defendido que a economia já começou a se recuperar. O presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, disse nesta semana que o Brasil estará crescendo, a uma taxa anualizada, cerca de 4% neste segundo semestre e em 2013.

(com agência Reuters)

Continua após a publicidade
Publicidade