Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Comissão Europeia pressiona Grécia para liquidar ATEbank-fontes

Por Da Redação 7 jun 2012, 15h50

BRUXELAS, 7 Jun (Reuters) – A Comissão Europeia está pressionando a Grécia para liquidar certos bancos, possivelmente incluindo o ATEbank, quinto maior do país, disseram fontes da União Europeia.

Apesar de ser de responsabilidade do Banco Central da Grécia de fechar instituições problemáticas, o órgão executivo da UE também possui um poder de decisão sobre as regras de ajuda estatal, que o permite recusar um pedido de resgate de um banco se a Comissão considerar muito custoso para salvá-lo – efetivamente forçando o banco a ser liquidado.

Durante toda a crise, a Comissão raramente usou toda a extensão de seus poderes de auxílio estatal e poucos bancos europeus foram fechados. Se isso for usado na Grécia, marcaria uma postura mais agressiva no combate aos bancos europeus fracos no centro da crise. Ela poderia usar os mesmos poderes para encerrar bancos na Espanha e Portugal, disse uma das fontes.

“Estamos nos dirigindo para uma nova fase com a Grécia, Portugal e Espanha”, disse uma das fontes, que falou sob condição de anomimato.

O ATEbank, o Banco Central Grego e o ministro das Finanças da Grécia se recusaram a comentar. No passado, a direção do ATEbank propôs uma fusão de todos os bancos controlados pelo Estado, incluindo o Hellenic Postbank, em um.

No entanto, se o ATEbank for fechado, não significa que todo o sistema bancário da Grécia esteja em colapso. Outros bancos gregos importantes não sofrem o mesmo perigo e poderiam se beneficiar de qualquer remanejamento de capital.

Nenhuma decisão será tomada até depois das eleições na Grécia, em 17 de junho.

Continua após a publicidade
Publicidade