Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Comércio eletrônico tem deflação em julho

Por AE

São Paulo – A média de preços dos produtos comercializados pela internet encerrou julho com queda de 0,74% em relação a junho. É o que mostra o Índice Fipe/Buscapé, que monitora os preços praticados no e-commerce. A queda foi puxada pela redução de 2,85% nos preços do segmento de Modas e Acessórios. Em 12 meses, o índice registra recuo de 7,67%, pressionado por produtos eletrônicos (-15,03%).

“O resultado do mês passado reforça a tendência deflacionária dos preços no e-commerce nos últimos 18 meses”, avaliou a empresa em nota. “Houve aumento de preços apenas em agosto do ano passado (0,59%) e janeiro deste ano (0,90%)”.

De acordo com o índice, apenas 2 dos 10 grupos pesquisados apresentaram aumento de preços em julho: Cosméticos e Perfumaria (0,06%) e Brinquedos e Games (0,04%).Os destaques entre as quedas, além de Moda e Acessórios, foram Telefonia (-1,63%), Eletrônicos (-1,45%), Fotografia (-1,02%) e Casa e Decoração (-0,97%).

Ainda de acordo com a indicador, das 151 categorias de produtos pesquisadas, 82 tiveram aumento médio de preço de 0,73% em julho, enquanto 69 tiveram queda média de 1,06%.

Os produtos com maiores reduções de preço no mês foram colchão (4,7%), bolsa (4,1%), miniveículo (2,6%), blu-ray player (2,3%), tênis (2,2%) e celular (1,99%). Os destaques de alta foram frigideira (5,1%), jogos de panelas (3,5%), toner para impressora (1,95%), secadora de roupa (1,67%), som portátil (1,29%) e condicionador de ar (1,15%).