Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Colheita de soja 2011/12 do Brasil atinge 37% da área–AgRural

SÃO PAULO, 5 Mar (Reuters) – A colheita de soja no Brasil está adiantada e atingiu 37 por cento da área semeada em 2011/12 até a última sexta-feira, de acordo com levantamento feito pela consultoria AgRural, divulgado nesta segunda-feira.

O índice representa um aumento de nove pontos ante os 28 por cento atingidos na semana anterior, além de superar os 21 por cento da safra 2010/11. A média de cinco anos, é de colheita de 28 por cento da área cultivada.

O Estado brasileiro mais adiantado é Goiás, onde a colheita já representa 67 por cento da área de soja, ante 45 por cento em 2010/11 e a média de cinco anos, de 44 por cento da área.

Em Rio Verde, no sudoeste goiano, a produtividade média chega a 60 sacas por hectare, disse a AgRural.

Chuvas na região Sul do Brasil e em Mato Grosso do Sul ajudaram nas lavouras ainda em desenvolvimento, segundo a AgRural. No Paraná, no entanto, a umidade acabou dificultando a colheita.

No Sul do país, a semana foi mais chuvosa, reduzindo o ritmo da colheita, que atingiu 34 por cento no Paraná. O índice, no entanto, supera os 17 por cento da safra anterior e a média de cinco anos, de 28 por cento.

Nos municípios do centro-sul paranaense, a chuva tem sido benéfica para as lavouras ainda em fase de desenvolvimento.

O levantamento apontou ainda que no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina, onde o plantio e a colheita são feitos mais tarde, um por cento da área estava colhida até a sexta-feira.

A AgRural aponta expectativa de produtividade entre 25 a 30 sacas por hectare no Rio Grande do Sul, Estado que foi mais afetado pela estiagem que atingiu a região Sul do país.

Em parte do Mato Grosso do Sul a volta das chuvas dificultou a entrada de máquinas em campo em algumas regiões. Em outras, o trabalho segue em ritmo normal. No total, 49 por cento da área do Estado já foram colhidas até a sexta-feira, ante 18 por cento em 2010/11 e 30 por cento na média de cinco anos.

Já no Sudeste a colheita atingiu 15 por cento em São Paulo, segundo a AgRural.

Na Bahia, o tempo seco permitiu que a colheita avançasse para 7 por cento da área.

(Por Patrícia Monteiro)