Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Casa Branca “não é séria” quanto a cortes, diz Boehner

Presidente da Câmara dos Representantes dos EUA, John Boehner, anunciou sua desistência de tentar chegar a um acordo com Barack Obama

Por Da Redação 22 jul 2011, 20h01

Boehner era visto como o político mais próximo de chegar a um acordo com o presidente americano

O presidente da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, deputado John Boehner, desistiu nesta sexta-feira de buscar um acordo com a Casa Branca para uma redução significativa dos déficits do país e comunicou essa decisão ao presidente Barack Obama. A informação é de assessores do Partido Republicano, ao qual Boehner pertence. Até então, ele era visto como o político mais próximo de chegar a um acordo com o presidente americano.

“Decidi encerrar as discussões com a Casa Branca e começar conversações com o Senado, de modo a encontrar um caminho que permita avanços”, diz Boehner em carta a seus colegas no Congresso. “Ficou evidente que a Casa Branca simplesmente não é séria quanto a cortar gastos”, diz a carta.

Assessores do Partido Republicano informaram que negociadores da Câmara, dominada pelos republicanos, e do Senado, onde o Partido Democrata tem maioria, vão se reunir no fim de semana para tentar definir que tipo de acordo eles poderiam fazer para elevar o limite legal de endividamento do governo dos EUA até 2 de agosto, de modo a evitar um default.

Responsabilidade – O presidente americano, Barack Obama, afirmou pouco minutos depois que está pronto para assumir sozinho a responsabilidade pelo aumento do teto da dívida para garantir que a maior economia do mundo não entre em default. “Estou disposto a assumir a responsabilidade”, disse Obama, após o colapso das duras negociações com os republicanos para chegar a um consenso sobre um orçamento com redução do déficit – parte de um acordo para aumentar o limite de dívida.

(com Agência Estado e Agence France-Presse)

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)