Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Carne Fraca: Governo determina recall de fábrica de SC

Na semana passada, o órgão havia determinado o recall de produtos das empresas Souza Ramos, Transmeat e fábrica da Peccin de Curitiba

A Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), órgão vinculado ao Ministério da Justiça, determinou o recall de produtos fabricados por mais uma unidade do frigorífico Peccin, localizado em Jaraguá do Sul (SC). Desta vez, o recall atinge os produtos com SIF 825, o número do Serviço de Inspeção Federal.

Na semana passada, o órgão havia determinado o recall de produtos das empresas Souza Ramos (SIF 4040), Transmeat (SIF 4644) e Peccin (SIF 2155), de Curitiba (PR). Todas as empresas são investigadas pela Operação Carne Fraca, que desarticulou esquema de corrupção envolvendo fiscais e frigoríficos.

A Senacon recomenda que o consumidor observe o selo SIF contido na embalagem da carne. Quando a identificação não for possível, o consumidor deve então procurar o local de venda do produto para obter a informação do fabricante do produto.

O recall anunciado hoje foi determinado após a Senacon receber informações do Ministério da Agricultura sobre auditoria na planta da Peccin. A fiscalização detectou que  “o estabelecimento não detém controle dos processos relacionados a controle de matéria-prima, formulação e rastreabilidade de seus produtos”.

Procurada pela reportagem, o responsável pela Peccin não foi localizado.

Segundo a Senacon, a realização de recall é uma responsabilidade do fornecedor. Caso seja confirmado o risco à saúde e segurança do consumidor e a empresa não inicie o recall ou demore a iniciá-lo, podem ser aplicadas as sanções estabelecidas pelo Código de Defesa do Consumidor, inclusive multa, em valores que podem chegar a 9 milhões de reais.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. O que seria um “Recall” de um frigorífico? Remaquiar a carne adulterada ou exatamenete o quê?

    Curtir

  2. Fábio Rui Silva

    “Recall de carne”… ô ô ô ô “povinho”…

    Curtir

  3. Jorge Luís dos Santos

    Tem que se fazer o “recall” de toda a máquina pública. Como o governo quer exigir respeito se não se dá ao respeito, digam?!

    Curtir