CÂMBIO-Dólar segue em queda e opera abaixo de R$1,75

Por Da Redação - 25 out 2011, 09h42

SÃO PAULO, 25 de outubro (Reuters) – O dólar operava em queda frente ao real nesta terça-feira, ampliando a desvalorização dos últimos dois dias, diante da menor aversão a risco nos mercados internacionais.

Às 10h39, a divisa dos Estados Unidos era negociada a 1,7490 real para venda, em baixa de 0,31 por cento , tendo chegado a 1,7359 na mínima. Desde sexta-feira, a cotação acumula declínio de mais de 2 por cento.

Dados econômicos melhores no exterior davam espaço para a compra de ativos de maior rendimento e risco. O índice Reuters-Jefferies de commodities, por exemplo, subia 0,68 por cento.

Números da indústria manufatureira da China, que é o maior parceiro comercial do Brasil, foram destaque neste começo de semana, mostrando crescimento após três meses de retração e gerando expectativa positiva com o desempenho da economia mundial.

Publicidade

Já nesta sessão, o aumento inesperado da confiança do consumidor na Alemanha dava esperança sobre o vigor da potência europeia. Às 12h, é hora de conhecer a confiança do consumidor norte-americano.

O índice de volatilidade DAX-NEW, que mede a apreensão do investidor, caía cerca de 5 por cento.

Em meio aos números encorajadores, os mercados aguardavam, sobretudo, o resultado da cúpula da União Europeia na quarta-feira. Há otimismo de que as divergências entre líderes sejam superadas e que um plano abrangente anticrise seja apresentado para a zona do euro.

Em relação a uma cesta de moedas, o dólar tinha leve alta, mas operava perto da mínima em seis semanas.

Publicidade

(Por Mariane Pinho; Edição de Vanessa Stelzer)

Publicidade