Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Caixa reduz juros para linha de crédito a médias e grandes empresas

Valor para capital de giro pode ser contratado com taxa a partir de 0,85% ao mês; porcentual anterior era de 1,37%

A Caixa Econômica Federal reduziu em 38% a taxa de juros do capital de giro para médias e grandes empresas. Agora, a linha de crédito pode ser contratada com juros a partir de 0,85% ao mês, para organizações de diferentes setores da economia. O porcentual anterior era de 1,37% ao mês.

Segundo o presidente da Caixa, Nelson Antônio de Souza, o banco possui 11 bilhões de reais de orçamento para essa modalidade, com taxa de juros favoráveis para esse segmento corporativo. “Estamos promovendo uma redução de juros de forma sustentável nas linhas, que beneficiam as médias e grandes empresas, que movimentam grande parte do PIB brasileiro, assim como fizemos com o crédito imobiliário”, destaca.

Ao reduzir os juros, a instituição financeira tem objetivo de estimular a atividade econômica e, consequentemente, contribuir para geração de emprego e renda. As novas taxas já estão valendo para as contratações em todo o país.

As linhas de capital de giro não têm destinação específica e possibilitam o financiamento de investimento com prazo de até 48 meses para o pagamento. Os recursos podem ser utilizados para alavancar o crescimento da empresa, para pagamento de salários e fornecedores ou para readequação do endividamento.

A redução das taxas atinge diretamente cerca de 23.000 empresas brasileiras com faturamento superior a 30 milhões de reais por ano.

Política de redução de juros

Na semana passada, a Caixa reduziu os juros do crédito imobiliário para financiamento de pessoa física com recursos da poupança. Além disso, o banco aumentou a cota de financiamento do imóvel usado para 70% e retomou o financiamento de operações de interveniente quitante (imóveis com produção financiada por outros bancos).