Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Café e açúcar fecham em alta na bolsa de NY com dólar fraco

Por Da Redação - 19 jun 2012, 16h10

19 Jun (Reuters) – Confira a seguir como fecharam os negócios com contratos futuros de açúcar bruto e café arábica na bolsa de Nova York (ICE USA) nesta terça-feira:

CAFÉ

Os futuros do café arábica subiram com alto volume negociado na bolsa, fechando com ganho de 4,8 por cento neste terça-feira, maior aumento diário em oito meses, com as compras generalizadas das commodities estimulando investidores a cobrirem posições vendidas no arábica, em meio à queda do dólar.

O contrato setembro do café arábica ganhou 7,30 centavos, ou 4,8 por cento, fechando a 1,5880 dólar por libra-peso.

Publicidade

Os prêmios do arábica ante o café robusta em Londres subiram mais de 10 por cento, para cerca de 63 centavos por libra-peso, ante cerca de 57 centavos por libra-peso na sessão anterior.

Em Londres, o setembro do café robusta fechou com alta de 22 dólares, ou 1,06 por cento, cotado a 2.101 dólares por tonelada.

AÇÚCAR

O contrato julho do açúcar bruto ganhou 0,71 centavo, ou 3,4 por cento, sendo cotado a 21,57 centavos por libra-peso, maior valor de fechamento desde 25 de abril.

Publicidade

O contrato mais ativo, o outubro, teve alta de 0,80 centavo, ou 4 por cento, fechando a 20,79 centavos por libra-peso.

O mercado subiu com compras de investidores, geradas principalmente pelo dólar fraco, segundo corretores.

Além disso, o clima chuvoso tem afetado a colheita no maior produtor e exportador mundial, o Brasil.

Em Londres, o contrato agosto do açúcar refinadosubiu 17,2 dólares, ou 2,89 por cento, terminando a sessão a 612,5 dólares por tonelada.

Publicidade

(Reportagem de Marcy Nicholson e Rene Pastor)

REUTERS PM GB

Publicidade