Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Bundesbank não aceitará dívida bancária garantida por Atenas, Dublin e Lisboa

Por Da Redação 30 mar 2012, 11h52

Frankfurt (Alemanha), 30 mar (EFE).- O Bundesbank (banco central da Alemanha) informou nesta sexta-feira que deixou de aceitar dívida bancária garantida pela Grécia, Irlanda e Portugal como respaldo em suas operações de refinanciamento.

‘Estes títulos de dívida bancária garantida por Estados não cumprem nossos requisitos mínimos de garantia’, disse uma porta-voz do Bundesbank.

No caso do banco central alemão, estes títulos chegam a quase 500 milhões de euros.

O Bundesbank se tornará assim a primeira entidade monetária do sistema europeu a fazer uso da possibilidade oferecida pelo conselho do Banco Central Europeu (BCE) na semana passada de deixar de aceitar títulos de dívida bancária garantidos por alguns países periféricos nas operações de crédito, com o fim de proteger seu balanço.

Segundo o BCE, os bancos centrais não deveriam ser obrigados a aceitar como garantia nas operações de crédito bônus bancários garantidos por Estados em algumas situações.

A primeira delas, quando o Estado estiver sob um programa da União Europeia e do Fundo Monetário Internacional (FMI), e a segunda quando se tratar de um país ‘cuja qualificação de crédito não cumprir a cota de referência para estabelecer seu requisito mínimo para padrões de crédito elevados’. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade