Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

BTG Pactual confirma analisar venda de fatia na Recovery

Negócio pode valer até R$ 1,7 bilhão se a venda incluir a plataforma que a empresa de recuperação de crédito usa para precificar empréstimos

O banco BTG Pactual confirmou nesta sexta-feira que está em discussões para a potencial venda de sua participação na empresa de recuperação de crédito Recovery do Brasil Consultoria, assim como de um portfólio de créditos inadimplentes. De acordo com comunicado divulgado pelo banco, os ativos que poderão ser alienados correspondem a 0,2% dos ativos do BTG Pactual.

“Na presente data, o BTG Pactual não pode confirmar se os potenciais interessados chegarão a um acordo em relação aos termos e condições relacionados à transação”, acrescentou o banco.

A Lone Star Funds assinou na quinta-feira acordo para negociar com exclusividade a fatia de 50% na Recovery detida pelo BTG Pactual. O negócio pode valer até 1,7 bilhão de reais se a venda incluir a plataforma que a Recovery usa para precificar empréstimos. Sem isso, o preço seria ao redor de 800 milhões de reais.

O grupo financeiro brasileiro está vendendo ativos para levantar dinheiro, após a prisão do fundador André Esteves. O Supremo Tribunal Federal suspendeu na quinta-feira a prisão preventiva de Esteves.

Leia mais:

BMG negocia compra dos 51% que o BTG detém no Banco Pan

De saída, Levy diz que governo parece ter medo de reformas

Venda de carteiras – O banco confirmou ainda que realizou vendas de créditos e títulos de renda fixa para o Itaú BBA, banco de investimento do Itaú Unibanco, no total de 900 milhões de reais, segundo comunicado na noite de quinta-feira. O valor equivale a cerca de 0,3% dos ativos do BTG.

(Com agência Reuters)