Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Brasil pede à Chevron US$ 10 bi por derrame de petróleo (empresa)

O Ministério Público Federal em Campos (RJ) pediu o pagamento de 10 bilhões de dólares à empresa americana Chevron por uma derrame detectado há um mês na mesma zona onde aconteceu um vazamento em 2011, informou a companhia nesta quarta-feira.

“O montante de 20 bilhões de reais (10,9 bi de dólares) é arbitrário e especulativo e não está baseado em fatos”, disse a Chevron em um comunicado.

O Ministério pediu à justiça para que imponha uma sanção contra a Chevron e a empresa Transocean, operadora da plataforma envolvida nos derrames.

A empresa americana, que já havia sido multada em 33,4 milhões de dólares, e acusada judicialmente pelo desastre de 2011, foi acusada de “cometer uma série de erros” que causaram no dia 4 de março um novo vazamento de óleo no Campo de Frade, 370 km a noroeste do Rio, segundo um comunicado do promotor Eduardo Santos.

O novo derrame foi detectado a 3 km da área onde aconteceu o vazamento de 3.000 barris em novembro de 2011.

“Esta segunda ação judicial faz parte de uma série ultrajante de ações perpetradas pelo mesmo promotor que anteriormente apresentou ações criminais e civis igualmente absurdas”, disse a Chevron em um comunicado enviado à AFP.