Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Brasil está entre países que mais perderam milionários em 2017

País é o sétimo do ranking de fuga de endinheirados de seus países - o topo é ocupado pela China

Por Ana Paula Machado Atualizado em 27 ago 2018, 19h27 - Publicado em 27 ago 2018, 16h17

O Brasil perdeu 2.000 milionários no ano passado, segundo pesquisa da New World Wealth. Pelo levantamento, os principais destinos dos endinheirados brasileiros foram Portugal, Estados Unidos e Espanha.

A pesquisa considera milionário quem tem patrimônio líquido igual ou superior a 1 milhão de dólares. Pelo terceiro ano consecutivo, o Brasil está entre os 10 países que perderam milionários, com a saída de 12 mil endinheirados no total. Uma das razões para a fuga de brasileiros é a violência.

O ranking faz parte do Global Wealth Report Review 2018, produzido pela consultoria com o apoio do AfrAsia Bank e com dados referentes ao ano anterior. A pesquisa é feita desde 2013.

  • Pelos dados do relatório, o Brasil ficou em sétimo lugar no ranking de fluxo de saída de fortunas em 2017. A China foi a líder nesse quesito, com fuga de 10 mil pessoas, seguida pela Índia, com a emigração de 7.000 pessoas. Na lista figuram ainda Turquia, Reino Unido, França e Rússia. Em grave crise, a Venezuela perdeu 1.000 milionários no ano passado.

    No mundo, aproximadamente 95 mil milionários migraram em 2017, em comparação com 82 mil em 2016 e 64 mil em 2015. A Austrália foi o primeiro país procurado pelos milionários do mundo. Para lá, migraram 10 mil pessoas. Em segundo estão os Estados Unidos, que receberam 9.000 imigrantes ricos no ano passado. Já o Canadá, abrigou 5.000 milionários no ano passado.

    Continua após a publicidade
    Publicidade