Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Bovespa sobe 2,50% e quase apaga perdas no mês

Por Da Redação - 6 out 2011, 17h31

A Bovespa finalmente decidiu acompanhar a alta do mercado externo. A expectativa de que a Europa possa anunciar uma capitalização aos bancos deu fôlego aos negócios pelo globo e conduziu a Bolsa doméstica acima dos 3% de ganhos no melhor momento do dia. Fechou abaixo disso, mas retomou os 52 mil pontos.

O Ibovespa terminou o dia com elevação de 2,50%, aos 52.290,37 pontos. Na mínima, registrou 51.016 pontos (estabilidade) e, na máxima, os 52.729 pontos (+3,36%). Com esse resultado, reduziu as perdas de outubro a 0,06%. No ano até agora, a Bolsa cai 24,55%.

Os investidores se concentraram na informação de que a Europa pode anunciar ajuda na recapitalização dos bancos da região, o que poderia fazer a crise se dissipar mais rápido. Hoje, um porta-voz de José Manuel Barroso, presidente da Comissão Europeia, afirmou que a entidade vai propor uma “ação coordenada” sobre a recapitalização dos bancos na União Europeia.

Antes disso, o próprio Barroso havia repetido seu pedido por uma ação coordenada para recapitalizar os bancos sob ameaça da crise de dívida soberana da zona do euro. E a chanceler da Alemanha, Angela Merkel, reforçou que, se houver necessidade, não se deve hesitar em recapitalizar os bancos.

Publicidade

As bolsas europeias subiram, também estimuladas pela decisão do BCE de retomar as compras de bônus cobertos e de fazer duas operações de refinanciamento de longo prazo neste ano. Os papéis tiveram o contrapeso dos pedidos semanais de auxílio-desemprego nos EUA, que aumentaram apenas 6 mil até 1 de outubro, ante previsão de +19 mil.

Os ganhos na Europa se concentraram, na maioria, entre 2% e 4%. Nos EUA, o Dow Jones subiu 1,68%, aos 11.123,33 pontos, o S&P avançou 1,83%, aos 1.164,97 pontos, e o Nasdaq ganhou 1,88%, aos 2.506,82 pontos.

No Brasil, Petrobras deu impulso ao Ibovespa, ao registrar ganhos de 3,99% na ON e 3,51% na PN. Também se destacaram BM&F Bovespa e siderúrgicas, embora tenham sobrado compras para todos os lados – 12 ações fecharam em baixa. Na Nymex, o contrato do petróleo para novembro avançou 3,65%, a US$ 82,59 o barril.

BM&FBovespa ON subiu 5,34%, Gerdau PN, +3,22%, Metalúrgica Gerdau PN, +2,78%, Usiminas PNA, +2,03%, CSN ON, +2,20%. Vale ON, +1,43%, Vale PNA, +1,55%. Veja detalhes do mercado de ações logo mais no Cenário-2.

Publicidade

(Com Agência Estado)

Publicidade