Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

BOVESPA-Índice avança com blue chips e construtoras

SÃO PAULO, 28 Mai (Reuters) – A Bovespa operava em alta nesta segunda-feira, impulsionada pelas blue chips e pelo setor de construção, que avançava após a PDG Realty ter informado que recebeu proposta de capitalização de quase 800 milhões de reais.

Às 13h22, o Ibovespa subia 1,79 por cento, a 55.439 pontos. O giro financeiro do pregão era de 1,35 bilhão de reais, com o fraco volume de negócios refletindo o feriado nos Estados Unidos (Memorial Day) e em alguns países da Europa (feriado bancário).

“As construtoras estão subindo forte hoje, puxadas por PDG, o que está ajudando a sustentar o Ibovespa em alta”, afirmou o operador Sandro Fernandes, da Geraldo Corrêa Corretora.

PDG Realty avançava quase 10 por cento, a 3,95 reais, após a empresa ter informado que recebeu proposta da Vinci Partners para uma operação societária que envolve o aporte de 799,98 milhões de reais por meio da emissão de bônus de subscrição. ID:nL1E8GS0QX]

Também eram destaque Rossi Residencial, que subia 4,15 por cento; Brookfield, com avanço de 3,21 por cento; MRV Engenharia, com alta de 3,78 por cento. Gafisa subia 2,88 por cento e Cyrela Brazil Realtytinha alta de 2,42 por cento.

Para Fernandes, a alta do setor imobiliário também reflete a perspectiva de nova queda na taxa básica de juros Selic na reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) nesta semana. O mercado espera corte de 0,50 ponto percentual, para 8,50 por cento ao ano, segundo o relatório Focus divulgado mais cedo.

Ainda assim, analistas consultados disseram não acreditar em reversão da tendência de queda para as ações das construtoras. “O setor está em um inferno astral que ainda vai demorar para ter recuperação”, afirmou um gerente de investimentos no Rio de Janeiro, que preferiu não se identificar.

Segundo ele, os resultados ruins e os desafios para o setor têm afastado investidores. “Essa notícia da proposta de aporte da Vinci na PDG casa um pouco com conversas de que o setor está com o crédito comprometido junto aos bancos e começa a buscar alternativas de financiamento”, afirmou.

Entre as blue chips, a preferencial da Vale subia 1,74 por cento, a 36,35 reais, e a da Petrobras tinha alta de 1,98 por cento, a 19,01 reais. A ação ordinária da OGXavançava 3,42 por cento, a 11,48 reais.

No cenário externo, pesquisas de opinião divulgadas no fim de semana animaram os mercados, ao mostrar avanço dos partidos gregos a favor do plano de resgate, que formariam um governo comprometido em manter a Grécia no euro.

Mas a preocupação com a saúde financeira dos bancos na Espanha levaram o principal índice das bolsas europeiasa fechar em queda de 0,1 por cento.(Por Danielle Assalve; Edição de Cesar Bianconi)