Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Bovespa fecha em alta de 1,52%, aos 57 mil pontos

Por Nalu Fernandes

São Paulo – Depois de um início volátil, a Bovespa conseguiu manter ganhos superiores a 1% na segunda parte da sessão e renovou as máximas ao final do dia, em compasso de espera pelos resultados da reunião de cúpula da União Europeia. No âmbito doméstico, Vale sustentou o índice com a expectativa dos investidores por bons números no resultado relativo ao terceiro trimestre, que será anunciado depois do fechamento.

O Ibovespa fechou em alta de 1,52%, aos 57.143,79 pontos. Desde 19 de setembro, o índice não retomava o nível de 57 mil pontos em um fechamento. Em outubro, a bolsa acumula ganho de 9,21%, mas perde 17,55% no ano. O giro financeiro negociado totalizou R$ 5,973 bilhões. Os dados são preliminares. Na máxima do dia, o Ibovespa atingiu 57.334 pontos, com alta de 1,86%, e, na mínima, bateu em 56.249 pontos, com leve queda de -0,07%.

Na zona do euro, a chanceler da Alemanha, Angela Merkel, devidamente municiada pelo Parlamento, recebeu o aval para finalizar um plano para ampliar o poder de fogo da Linha de Estabilidade Financeira Europeia (EFSF, na sigla em inglês). Os líderes da União Europeia trabalham em um plano coordenado para reforçar garantias de dívida que ajudem os bancos a terem acesso a financiamento. A questão é que os governantes acreditam que as garantias não podem ser oferecidas em escala nacional, como em 2008. Desta vez, a percepção é de que a abordagem tem de ser coordenada. O comunicado da reunião não revelou números para a recapitalização dos bancos.

A UE cita que há consenso a respeito da exigência para que os bancos da região elevem a parcela de capital de melhor qualidade (Tier 1) para 9%. Há expectativa de que os ministros das finanças da zona do euro deem parecer sobre o plano de recapitalização dos bancos depois que finalizados os outros elementos de um pacote amplo de medidas.

Segundo o Wall Street Journal, o presidente da França, Nicolas Sarkozy, pretende telefonar para o presidente da China, Hu Jintao, amanhã para discutir como Pequim pode contribuir com um fundo que teria como objetivo comprar títulos soberanos emitidos pela Grécia e por outras nações da zona do euro.

As ações da Vale foram destaque de alta. A ON subiu 2,85% e a PNA, 2,49%. “O mercado está bem otimista com o resultado da mineradora, que também será o primeiro na nova gestão”, citou o superintendente de Bovespa da Fator Corretora, Rodrigo Moliterno. As ações do Bradesco (PN)fecharam em alta de 0,83%, ajustando-se ao resultado trimestral divulgado hoje cedo pela instituição, que veio em linha com as expectativas. O Bradesco registrou lucro líquido contábil de R$ 2,815 bilhões no terceiro trimestre de 2011, aumento de 11,4% na comparação com o mesmo período de 2010.