Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Bolsa sobe 2,83% e praticamente apaga perdas no mês

Por Claudia Violante

São Paulo – Os bons indicadores divulgados nos EUA e na Alemanha e o leilão bem sucedido de títulos pela Espanha fizeram com que as bolsas tivessem um dia de ganhos firmes pelo mundo. Não foi diferente por aqui, onde a Bovespa recuperou o patamar de 56 mil pontos, perdido ontem, impulsionada por alta generalizada entre os papéis.

O Ibovespa encerrou a sessão com ganho de 2,83%, aos 56.864,85 pontos, na máxima pontuação do dia. Na mínima, registrou 55.301 pontos (+0,01%). O resultado de hoje praticamente apagou as perdas acumuladas em dezembro, que agora se limitam a apenas 0,02%. No ano, o índice recua 17,95%.

Os investidores se voltaram, hoje, primeiro para a Europa e, depois, para os EUA. Na Alemanha, o instituto de pesquisa Ifo divulgou que o índice de confiança das empresas avançou para 107,2 pontos em dezembro, da leitura revisada de 106,6 pontos em novembro, e acima da previsão dos analistas, que esperavam 106 pontos. E a Espanha conseguiu vender � 5,64 bilhões em T-bills, mais do que o esperado, pagando yields bem mais baixos do que nos leilões anteriores.

Esses indicadores puxaram as bolsas da região para cima. Os papéis ainda foram estimulados pelos dados sobre construção de moradias iniciadas nos EUA, que mostraram alta de 9,3% em novembro ante outubro, para 685 mil, o maior nível em 19 meses e bem acima da expectativa de analistas de alta de 0,3%, para 630 mil.

A Petrobras ON fechou com variação positiva de 4,58% e a PN, de 4,64%. Vale ON, +3,65% e PN, +3,64%.