Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Bolsa de Tóquio cai 1,5%, com ceticismo sobre Europa

Por Da Redação 9 dez 2011, 06h30

Por Dow Jones

Tóquio, 9 – A Bolsa de Tóquio, no Japão, fechou novamente em queda. Nesta sexta-feira, os players continuaram céticos sobre a possibilidade de a reunião de cúpula europeia trazer soluções significativas para o futuro da zona do euro. Também pesou a negativa do Banco Central Europeu (BCE) em expandir as compras de bônus da dívida soberana de países da zona do euro.

O Nikkei perdeu 128,12 pontos, ou 1,5%, e encerrou aos 8.536,46 pontos, após baixa de 0,7% na véspera. Na semana, o índice acumulou perdas de 1,2%. Até o momento, o Nikkei apresenta queda de quase 17% no ano.

“A visão desdenhosa de Mario Draghi (presidente do BCE) estimulou a realização de lucros em ações que tiveram ganhos anteriormente, devido às altas expectativas”, disse Hideyuki Ishiguro, supervisor de investimentos estratégicos da Okasan Securities. “As outras medidas políticas (adotadas pelo BCE) estiveram em linha com a visão do mercado.”

O enfraquecimento adicional do euro em relação ao iene também fez desabar os papéis. Entre as maiores perdas, Fanuc recuou 3,1% e Sony despencou 3,3%. Já as ações de chips foram afetadas pela Texas Instruments, que reduziu suas previsões para o quarto trimestre, o que alimentou preocupações sobre a economia global e uma demanda mais fraca. Tokyo Electron baixou 1,9% e Advantest perdeu 3%.

Continua após a publicidade

Publicidade