Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

BMW anuncia recall de mais de 600 carros do modelo X5

A montadora explicou que pode ocorrer entrada de óleo do motor, podendo causar vazamento

A montadora BMW comunicou à Secretaria Nacional do Consumidor do Ministério da Justiça o recall para 681 veículos, 671 deles dos modelos X5 4.8i e X5 4.8i Security, fabricados entre maio de 2006 e março de 2010. A campanha de recall, que já foi protocolada no Ministério da Justiça, terá início no dia 10 de março. Um modelo X5 zero quilômetro custa de 250 mil a 450 mil reais.

De acordo com o órgão, o recall nos X5 será feito pela possível existência de problemas no sistema de freio. No documento protocolado no órgão, a BMW explicou que pode ocorrer entrada de óleo do motor no tubo de vácuo do servofreio, podendo causar vazamento. Além disso, há possibilidade de acidente em decorrência da necessidade de o condutor aplicar força maior que a esperada para a frenagem do veículo.

Leia também:

Presidente da BMW do Brasil deixa o cargo e empresa

China impulsiona recorde de vendas da BMW

Os outros 10 veículos passarão por substituição do contato do cabo positivo da bateria e são dos modelos 320i, 328i Coupé, 328i Cabrio, 335i, 335i Coupé, X1 Sdrive 18i e X1 xDrive 28i, fabricados entre março de 2007 e julho de 2011. A campanha abrange os veículos com numerações de chassi A588766, A843411, A843412, E768921, P101658, P158048, PX15858, VE29177, VM74644 e VN81012.

De acordo com comunicado da empresa ao Ministério, há “possibilidade de acidente devido à interferência na alimentação de corrente elétrica do veículo, podendo levar à interrupção de funcionamento do motor, necessidade de aumento do esforço no manuseio da direção assistida e falha do sistema elétrico do veículo durante a sua condução”.

Procurada, a assessoria de imprensa da BMW disse não ter uma posição oficial sobre o assunto.

(Com Estadão Conteúdo)