Clique e assine a partir de 9,90/mês

BC do México corta taxa de juros para 3,75%

Segundo autoridade monetária do país, a economia está enfraquecendo com mais rapidez e força do que era esperado

Por Da Redação - 6 set 2013, 15h29

O Banco do México cortou nesta sexta-feira sua taxa básica de juros em 0,25 ponto porcentual, para 3,75%. Segundo a autoridade monetária, a economia do país está se enfraquecendo com mais rapidez e força do que o esperado, e essa situação deve se manter por um período prolongado. Em função disso, as pressões inflacionárias também estão em queda.

“O enfraquecimento da atividade econômica no México se intensificou de maneira significativa durante o segundo trimestre de 2013. Isso reflete, em particular, a contração do setor industrial desde o terceiro trimestre de 2012, assim como a queda no setor de serviços”, diz o banco central em comunicado publicado no seu website.

No final do último mês de agosto, a economia mexicana apresentou a primeira queda em quatro anos para o segundo trimestre, após a diminuição da demanda por exportações ter afetado a produção industrial. O Produto Interno Bruto (PIB) do país teve contração de 0,74% em relação ao primeiro trimestre deste ano, mas cresceu 1,5% em relação ao mesmo período do ano passado.

Leia também:

Continua após a publicidade

PIB do México tem contração de 0,74% no 2º trimestre

México apresenta projeto de abertura do setor de energia

(com Estadão Conteúdo)

Publicidade