Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Barril do Texas fecha em alta de 4,17%

Por Da Redação - 3 jan 2012, 17h47

Nova York, 3 jan (EFE).- O Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) para entrega em fevereiro fechou nesta terça-feira em alta de 4,17%, cotado a US$ 102,96 por barril, durante um dia marcado pelo aumento das tensões com o Irã e pelos bons dados econômicos nos Estados Unidos.

Ao término do pregão na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos de futuros do WTI somaram US$ 4,13 em relação ao preço de fechamento da sexta-feira passada.

A cotação do petróleo foi pressionada em alta pelas tensões entre EUA e Irã, depois que Teerã ameaçou há poucos dias bloquear o Estreito de Ormuz, vital para o abastecimento mundial de petróleo, como resposta às sanções por seu desenvolvimento nuclear impostas por Washington e seus aliados.

Além disso, os bons dados econômicos nos EUA encorajaram os investidores, já que o setor manufatureiro desse país acelerou seu crescimento em dezembro até atingir seu nível mais alto em seis meses, segundo anunciou hoje o Instituto de Gestão de Fornecimento.

Publicidade

Os contratos de gasolina com vencimento em janeiro ganharam US$ 0,06 e terminaram valendo US$ 2,74 por galão (3,78 litros), enquanto os de gasóleo para calefação para o mesmo mês subiram US$ 0,10, negociados a US$ 3,03 por galão.

Já os contratos de gás natural para entrega também em janeiro fecharam em alta de US$ 0,01, cotados a US$ 2,99 por cada mil pés cúbicos. EFE

Publicidade