Clique e assine com até 92% de desconto

Barril do Texas fecha em alta

Por Da Redação 22 dez 2011, 17h28

Nova York, 22 dez (EFE).- O Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) para entrega em fevereiro fechou nesta quinta-feira em alta de 0,87%, cotado a US$ 99,53 por barril, influenciado pela divulgação de dados macroeconômicos melhores que os previstos sobre os Estados Unidos, maior consumidor energético mundial junto à China.

Ao término do pregão na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos de futuros do WTI subiram US$ 0,86 em relação ao preço de fechamento de quarta-feira.

A cotação do petróleo – que fechou no terreno positivo pelo quarto dia consecutivo – se viu pressionada para cima após o Departamento de Trabalho dos EUA anunciar que o número semanal de pedidos de seguro-desemprego no país caiu 4 mil e chegou na semana passada a 364 mil, número mais baixo desde abril de 2008.

Além disso, a confiança dos consumidores americanos na evolução da economia e sua situação financeira pessoal subiu em dezembro para 69,9 pontos, o que encadeia quatro meses consecutivos de alta, segundo a Universidade de Michigan.

Outro dado melhor do que o esperado foi o índice de tendência futura da economia dos EUA, que subiu 0,5 ponto em novembro pelo sétimo mês consecutivo, considerado pelos analistas um sinal de que o risco de recessão econômica terminou.

Os contratos de gasolina com vencimento em janeiro subiram US$ 0,02 e terminaram valendo US$ 2,63 por galão (3,78 litros), enquanto os de gasóleo para calefação para o mesmo mês permaneceram estáveis, negociados a US$ 2,90 por galão.

Já os contratos de gás natural para entrega também em janeiro fecharam em alta de US$ 0,01, cotados a US$ 3,16 por cada mil pés cúbicos. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade