Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Bancos públicos e privados também são rebaixados por S&P

Mais cedo, agência de classificação retirou o grau de investimento da Petrobras e de outras empresas de energia e de infraestrutura

Após cortar a nota de crédito (rating) do Brasil e da Petrobras, a agência de classificação de risco Standard & Poor’s anunciou nesta quinta-feira o rebaixamento dos ratings em escala global de 13 bancos brasileiros e, em escala nacional, de 20 instituições financeiras do país. Com isso, Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Bradesco, Itaú Unibanco e Santander Brasil também perderam o grau de investimento.

Para a agência, as instituições financeiras raramente são classificadas acima da nota de crédito do país porque poderes regulatórios podem “restringir a flexibilidade financeira do sistema bancário” e “os bancos costumam ser afetados pelos mesmos fatores econômicos que causam o estresse soberano”.

“Além disso, revisamos nossa perspectiva em escala global de companhias de serviços financeiros e em escala nacional de seis companhias de estável para negativa. Também mantivemos a perspectiva negativa de 11 entidades na escala global e as de 16 em escala nacional. Também colocamos os ratings de duas entidades em observação para possível rebaixamento e mantivemos duas em observação ‘em desenvolvimento'”, diz a nota da S&P.

Perder o grau de investimento siginfica que a agência não considera determinada companhia ou país um bom pagador de suas dívidas. Com isso, contrair novos financiamentos fica mais difícil e mais caro.

Leia também:

Standard & Poor’s tira selo de boa pagadora também da Petrobras

Probabilidade de rebaixamento do Brasil é ‘superior’ a 50%, diz Fitch​

Quando a nota sobe, agência de classificação de risco é boa – e quando cai, não?

Confira a lista dos bancos rebaixados:

Banco Safra S.A

Banco Bradesco S.A

Banco Citibank S.A

Itau Unibanco Holding S.A

Itau Unibanco S.A

Banco Santander (Brasil) S.A

Banco do Nordeste do Brasil S.A

Banco do Brasil S.A.

Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais S.A.

Caixa Economica Federal S.A (Caixa)

Banco Nacional de Desenvolvimento Social S.A (BNDES)

BTG Pactual

Banco Pan