Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês

Bancos lideram ranking das marcas mais valiosas do Brasil

Nas cinco primeiras posições, Itaú, Bradesco, Petrobras, Banco do Brasil e Skol repetem desempenho do ano passado, de acordo com a Interbrand

Por Cris Simon 9 jun 2011, 16h48

Com as mesmas colocações de 2010, Itaú, Bradesco, Petrobras, Banco do Brasil e Skol lideram o ranking das 25 marcas mais valiosas do Brasil em 2011, segundo a consultoria Interbrand (veja quadro abaixo). Juntas, as cinco marcas representam quase 75% do valor total das 25 posições, que chega a quase 92 bilhões de reais.

Assim como aconteceu nas edições anteriores, a maioria das marcas acompanhadas pela consultoria se valorizou e, mais uma vez, os três maiores bancos do país estão no topo. Com um crescimento de 18% em relação a 2010, Itaú permanece na primeira posição, valendo 24,29 bilhões de reais. Já o Bradesco alcançou 13,63 bilhões de reais, uma alta de 10%. Na terceira colocação, Petrobras obteve um crescimento de 7%, chegando a 11,60 bilhões de reais, seguida do Banco do Brasil (11,30 bilhões de reais) e Skol (7,27 bilhões de reais).

O estudo destaca o retorno da Vale ao ranking de 2011. Ela ocupa a oitava posição, com valor de 2,65 bilhões de reais. A última aparição da empresa na lista havia sido em 2009, quando valia 3,1 bilhões de reais. A mineradora havia ficado de fora da lista no ano passado, impactada pela crise financeira iniciada no fim de 2008.

Também entram com participação inédita no ranking as marcas Cielo (14º – 604 milhões de reais), Caixa Econômica Federal (16º – 563 milhões de reais), Extra (19º – 496 milhões de reais), Casas Bahia (20º – 447 milhões de reais), Pão de Açúcar (22º – 389 milhões de reais) e Ponto Frio (24º – 232 milhões de reais).

Se comparado ao ranking do ano passado, a Renner saiu das dez primeiras posições, ocupando em 2011 a 11ª colocação, com valor estimado em 835 milhões de reais.

As marcas brasileiras mais valiosas

Confira as 25 principais marcas do país e como foi sua evolução entre 2010 e 2011

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)