Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Banco do Brasil recebe R$ 2,5 bi para crédito imobiliário a juros baixos

Conselho Curador do FGTS aprovou valor em financiamentos pelo programa Pró-Cotista. Juros são de 9% ao ano para quem tem conta no Fundo

O Conselho Curador do FGTS aprovou um total de 2,5 bilhões de reais em novos recursos para o Banco do Brasil oferecer crédito imobiliário pelo programa Pró-Cotista. Segundo o banco, a linha conta com condições diferenciadas, como taxa de juros de 9% ao ano, uma das menores do mercado, para o financiamento de imóveis novos ou usados de até 750 mil reais. O prazo é de até 360 meses.

Em nota, o banco explica que o Pró-Cotista é uma linha de financiamento que utiliza os recursos do Programa Especial de Crédito Habitacional ao cotista do FGTS. Para ter acesso a essa linha, é preciso ter uma conta ativa no FGTS e um mínimo de 36 contribuições. Caso a conta esteja inativa, é necessário que ela tenha saldo superior ou igual a 10% do valor do imóvel.

Para ter o crédito aprovado nesta linha, não há limite de renda familiar, mas apenas 30% dela pode ser comprometida com as prestações. O limite do financiamento é de 90% do valor de venda e avaliação, o que for menor.

O BB informou ainda que identificou 524 mil clientes com potencial de utilização imediata desta linha de crédito.

Leia mais:

STF julga nesta quarta mudança de cálculo da dívida dos Estados

Apple anuncia 1ª queda trimestral de vendas do iPhone

(Com Estadão Conteúdo)