Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Azul cancela 10 voos em Recife por falta de combustível

Outras empresas aéreas também anunciaram planos de contingência para amenizar os impactos da greve dos caminhoneiros

A companhia aérea Azul confirmou nesta quinta-feira o cancelamento de voos por falta de combustível. Ao todo, 13 viagens foram afetadas – a maioria com origem ou destino no aeroporto do Recife, em Pernambuco. A greve dos caminhoneiros, iniciada na segunda-feira, está provocando o desabastecimento dos aeroportos brasileiros.

Segundo a empresa, os clientes podem remarcar voos programados até o dia 31 de maio sem custo adicional.

Confira lista dos voos cancelados:

Nº Voo Origem Destino
AD5720 Belo Horizonte Vitória
AD4229 Vitória Belo Horizonte
AD2700 Recife
Fernando de Noronha
AD2701 Fernando de Noronha
Recife
AD2502 Recife
Natal
AD5135 Natal Recife
AD2390 Recife
Juazeiro do Norte
AD2931 Juazeiro do Norte Recife
AD6980 Recife
Campina Grande
AD6981 Campina Grande Recife
AD2718 Belém Recife
AD4321 Recife Goiânia
AD2600 Goiânia Viracopos

Procurado, o aeroporto do Recife não se manifestou ainda sobre a falta de querosene de aviação.

O aeroporto de Brasília também está com problemas de abastecimento. Segundo a Inframerica, concessionária que administra o aeroporto, as reservas de combustível seguem escassas e há um esquema de contingenciamento de querosene.

No momento, apenas voos com capacidade para decolar sem a necessidade de abastecimento no aeroporto de Brasília podem pousar no local. De acordo com a Inframerica, ainda não há prejuízo às operações aéreas.

Nos últimos dois dias, apenas nove caminhões de combustível chegaram ao aeroporto sob escolta policial. Por dia, o terminal de Brasília recebe uma média de 20 caminhões, segundo a Inframerica.

Com o problema de abastecimento, outras empresas aéreas anunciaram planos de contingência para amenizar os impactos da greve dos caminhoneiros. Até o momento, não foram confirmados voos atrasados ou cancelamentos.

A Latam ofereceu aos passageiros isenção da cobrança de taxa de remarcação da passagem para nova data à escolha do cliente, sem multas, em voos domésticos com partidas, chegadas ou conexões programadas para os aeroportos de Aracaju, Brasília e Recife nos dias 23 e 24 de maio.

A Gol enviou comunicado aos clientes na noite de quarta-feira recomendando que os passageiros verificassem a situação dos voos antes de se descolarem aos aeroportos.

A Avianca afirmou que passageiros impactados devem entrar em contato com a companhia para remarcação de suas passagens sem cobrança de taxa ou diferença tarifária. Segundo a empresa, as operações foram minimamente afetadas.