Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

‘Avançaremos na reforma tributária depois da Previdência’, diz Maia

Economista Bernard Appy faz apresentação de proposta de mudança de tributação a líderes partidários e deputados

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou nesta terça-feira, 2, que a reforma tributária não irá atrapalhar a tramitação da reforma da Previdência. “Nós vamos avançar na reforma tributária depois de aprovada a reforma da Previdência”, disse.

O economista Bernard Appy, estudioso de tributação no país, fez uma apresentação sobre a emenda da reforma tributária nesta terça-feira, e, segundo o presidente da Câmara, teve alta aceitação dos deputados. O líder do MDB na Câmara, deputado Baleia Rossi (SP), resolveu reapresentar a emenda de Appy, para abrir discussão.

“Talvez por ela possamos recomeçar todo um debate novamente, para que todos os novos deputados possam participar da discussão e que, dando tempo ao tempo, ocorra desde já o debate. Mas sua tramitação mais efetiva somente após a aprovação da reforma da Previdência”, afirmou Maia.

O presidente da Câmara admitiu que a discussão da reforma tributária poderia começar diretamente no plenário, com a proposta do economista Appy, mas que isso tiraria os novos parlamentares do debate e anteciparia a discussão no plenário antes da Previdência.

“O melhor é apresentar novamente a emenda do Bernard Appy para que se tramite na CCJ e na comissão especial. Com isso, a Previdência estará na frente e teremos tranquilidade de votá-la e depois a tributária”, disse.