Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Austrália decide reduzir juros pela 1ª vez em 2 anos e meio

Decisão reflete arrefecimento da inflação, alta do desemprego e crise econômica

Por Da Redação 1 nov 2011, 04h00

O Banco Central da Austrália cortou as taxas de juros pela primeira vez em dois anos em meio, calibrando a política econômica na medida em que a inflação se enfraquece, o desemprego aumenta e a perspectiva global se deteriora. O Reserve Bank of Australia (RBA) reduziu sua taxa básica de juros em 0,25 ponto porcentual, para 4,5%. A medida ficou em linha com a expectativa do mercado.

“Com o crescimento global moderado, a inflação agora provavelmente próxima à meta e a confiança deprimida fora do setor de matérias-primas, o Conselho concluiu que uma posição mais neutra de política monetária seria consistente com a obtenção de um crescimento sustentável e de uma inflação de 2% a 3% ao longo do tempo”, afirmou Glenn Stevens, presidente do RBA, em um comunicado.

O corte da taxa básica de juros se segue à divulgação de dados favoráveis sobre a inflação do terceiro trimestre e vem no momento em que alguns setores industriais anunciaram demissões, por causa da perda de competitividade e da fraca demanda dos consumidores. Os principais bancos se apressaram em reduzir as taxas de juros dos financiamentos imobiliários, repassando integralmente o corte do juro básico.

(com Agência Estado)

Continua após a publicidade
Publicidade