Clique e assine a partir de 9,90/mês

Atividade econômica cresce 0,17% em novembro, indica BC

IBC-Br, medido pelo Banco Central, indica quarto mês seguido de resultados positivos; No acumulado de 2019, a alta é de 0,95%

Por Larissa Quintino - Atualizado em 16 jan 2020, 10h06 - Publicado em 16 jan 2020, 09h28

O Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br), que mede a evolução da economia brasileira, teve alta de 0,18% em novembro em relação ao mês anterior. Segundo os dados do BC divulgados nesta quinta-feira, 16, o indicador subiu 1,10% em comparação com o mesmo período de 2018.

Os números do BC mostram que novembro foi o quarto mês seguido de crescimento da atividade econômica, com aceleração em relação a outubro, quando o resultado registrado foi um crescimento de 0,09%, dado revisado pelo Banco Central. Inicialmente, o crescimento informado no mês em questão havia sido de 0,17%. No acumulado em doze meses o índice teve alta de 0,95%. No acumulado de 2019, o índice registra alta de 0,95%. 

Informalmente conhecido como a prévia do Produto Interno Bruto, o IBC-Br avalia a evolução da atividade econômica brasileira e ajuda o BC a tomar suas decisões sobre a taxa básica de juros, a Selic. O índice incorpora informações sobre o nível de atividade dos setores da economia: indústria, comércio, serviços e agropecuária, além do volume de impostos.

Publicidade