Clique e assine a partir de 9,90/mês

Até no sábado: Dilma faz reunião emergencial sobre portos

Segundo fontes, a presidente da República que finalizar plano que reformulará o setor portuário brasileiro; semana agitada complica o planejamento

Por Da Redação - 9 nov 2012, 17h34

A presidente da República, Dilma Rousseff, deve realizar neste sábado uma ampla reunião para discutir um plano federal para investimentos em portos, afirmam duas fontes da Presidência. A reunião deve ocorrer no Palácio do Planalto pela manhã com um grupo técnico, que incluirá representantes da Casa Civil, da Advocacia-Geral da União (AGU) e da Secretaria de Portos, disseram as fontes, sob condição de anonimato.

A expectativa é que o governo anuncie em breve um pacote que prevê investimentos em portos e também em aeroportos, após ação semelhante para ferrovias e rodovias.

Pedidos seguidos – Diversas autoridades do Planalto e da Esplanada dos Ministérios vinham dizendo, nos últimos dias, que o anúncio para o setor portuário ocorreria já na próxima terça-feira. Contudo, nesta sexta, o jornal o Estado de S. Paulo informou que os constantes pedidos de mudança no pacote exigidos pela presidente inviabilizaram sua divulgação na referida data. Não há, por ora, nova previsão, apenas a expectativa de que sairá ainda neste mês.

O raro encontro de Dilma num sábado ocorre também devido à agenda intensa da presidente na próxima semana. Ela participará de evento em São Paulo na quarta-feira e, no dia seguinte, embarcará para a Espanha, onde participará da Vigésima-terceira Cúpula Iberoamericana, em Madri.

Em agosto, o governo lançou a primeira etapa de um programa de concessões para atacar os problemas de infraestrutura do país, com previsão de investimentos totais em ferrovias e rodovias de 133 bilhões de reais durante 25 anos. A expectativa inicial era de que o plano para portos e aeroportos fosse anunciado em setembro.

(com agência Reuters)

Continua após a publicidade
Publicidade