Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Punida pelo Ibama, mineradora Norsk Hydro tem crescimento do lucro

Empresa norueguesa, multada por descarte irregular de água não tratada, anunciou resultado de 1,18 bilhão de reais no terceiro trimestre

Por Reuters Atualizado em 24 out 2018, 10h19 - Publicado em 24 out 2018, 08h47

O lucro da mineradora norueguesa Norsk Hydro no terceiro trimestre, divulgado nesta quarta-feira, superou as previsões e atingiu 1,18 bilhão de reais, puxado pelo aumento dos preços dos metais. A empresa produtora de alumínio, no entanto, ainda não tem previsão de quando usina de alumina, localizada no Pará, poderá retomar sua produção total.

O lucro da empresa antes de juros e impostos (Ebit) ficou em 1,18 bilhão de reais, contra 0,8 bilhão de reais esperados pelo mercado. No terceiro trimestre de 2017, o Ebit da companhia ficou 1,06 bilhão de reais.

A empresa obteve permissões do Ibama no início deste mês para reiniciar as operações com metade da capacidade em sua refinaria de alumina Alunorte, a maior do mundo.

A retomada foi a mais recente reviravolta em uma disputa ambiental de meses com as autoridades brasileiras, depois que a fabricante de metais admitiu ter feito descartes não autorizadas de água não tratada durante chuvas severas em fevereiro. Na ocasião, o Ibama aplicou uma multa de 20 milhões de reais à companhia.

  • “O mercado de alumínio está apertando, e esperamos que o mercado primário global de 2018 seja deficitário”, disse o presidente-executivo da companhia, Svein Richard Brandtzaeg, em comunicado. “Continuamos o diálogo com as autoridades com o objetivo de retomar a produção plena na Alunorte, mas o momento permanece incerto”, acrescentou.

    Continua após a publicidade
    Publicidade