Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Após apagão, capitais do Nordeste tem energia restabelecida, diz ONS

Segundo o órgão, oito dos nove estados da região foram atingidos: Pernambuco, Piauí, Ceará, Sergipe, Bahia, Rio Grande do Norte, Paraíba e Alagoas

Por Da Redação 28 ago 2013, 16h17

Um apagão atingiu oito estados do Nordeste às 15h03 desta quarta-feira. Segundo o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), os estados atingidos foram Pernambuco, Piauí, Ceará, Sergipe, Bahia, Rio Grande do Norte, Paraíba e Alagoas. A falta de energia afetou hospitais, aeroportos, emissoras de rádio e TV e sites de jornais da região, além das próprias sedes das empresas de energia. Contudo, segundo o ONS, o serviço já foi restabelecido nas capitais de todos os estados prejudicados.

O ONS ainda investiga a causa do incidente e confirmou, por meio de sua assessoria de imprensa, que o estado do Maranhão não foi afetado. Ainda segundo o ONS, a prioridade de restabelecimento são os hospitais e aeroportos da região.

Leia também:

Ministro de Minas e Energia diz que não houve apagão

Causa do apagão está na malha de transmissão, diz ONS

Segundo a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), a carga na região Nordeste caiu de 10 000 megawatts para 1 000 megawatts no momento do blecaute. A agência ainda informou, por meio de sua assessoria de imprensa, que o ONS tem um prazo de 24 horas para enviar um relatório parcial sobre as causas do apagão, além dos prejuízos iniciais causados pelo incidente.

O Ministério de Minas e Energia (MME) informou que acompanha a ocorrência. O ministro Edison Lobão, que está no Rio de Janeiro, determinou que a prioridade neste momento é o restabelecimento do sistema. A concessionária de energia Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf) está apurando as causas do problema e a sua dimensão. A própria sede da Chesf, que abastece oito dos nove estados do Nordeste, informou que está sem energia.

Continua após a publicidade

Leia também:

Dilma vai à TV para negar risco de apagão e ataca quem é “do contra”

Lobão diz que não haverá desabastecimento

Em Pernambuco, falta energia em todo o estado, de acordo com a Agência Brasil. Segundo a Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) ainda não há detalhes sobre as causas do blecaute. O metrô que circula na Região Metropolitana do Recife também está parado. Em Alagoas, foi registrada queda de energia em vários bairros de Maceió e também de Arapiraca. No Rio Grande do Norte, a queda de energia apagou todos os semáforos da capital, Natal. Hospitais nas capitais que não contam com geradores cancelaram cirurgias de emergências até a retomada do abastecimento.

A Celpe distribui energia para 3,2 milhões de clientes, em 184 municípios. Segundo a assessoria da empresa, o problema não foi no sistema da companhia.

Segundo informações da coluna Radar On-line, do site de VEJA, os níveis dos reservatórios que servem ao sistema elétrico do Nordeste já vinham preocupando as autoridades. Em agosto, os níveis da região estavam 38,6%, uma queda de 26% em relação ao mesmo período de 2012.

O último grande apagão na região foi registrado em outubro do ano passado e atingiu nove estados da região Nordeste e o Distrito Federal. No total, seis apagões de energia de maior porte ocorreram no Brasil em 2012 – todos eles no segundo semestre e a maioria por ocorrências na área de transmissão. Quase todos afetaram a região Nordeste.

As sucessivas quedas de energia no ano passado levantaram dúvidas sobre a segurança do sistema elétrico brasileiro, área em que a presidente Dilma Rousseff deu início à trajetória política que a conduziu ao Palácio do Planalto.

(Com Estadão Conteúdo e Reuters)

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês