Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

ANS suspende vendas de 69 planos de saúde de 11 operadoras

No total, as empresas punidas pela Agência Nacional de Saúde Suplementar atendem 692 mil beneficiários

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) suspendeu as vendas de 69 planos de saúde de 11 operadoras por causa de reclamações quanto a problemas na cobertura assistencial recebidas no 3º trimestre de 2016.

Veja se o seu plano de saúde está na lista.

A medida faz parte do monitoramento periódico realizado pela ANS. No último trimestre, o número de produtos suspensos foi três vezes menor.

Os planos de saúde suspensos possuem, juntos, 692 mil beneficiários. Os clientes continuam a ter a assistência regular a que têm direito, já que as operadoras terão que resolver os problemas assistenciais para que possam receber novos beneficiários. Das 11 operadoras com planos suspensos neste ciclo, uma já tido o mesmo problema na monitoria do período anterior. Dez não constavam na última lista de suspensões.

No trimestre avaliado, a ANS recebeu 16.043 reclamações de natureza assistencial em seus canais de atendimento. Desse total, 13.956 queixas foram consideradas para análise pelo programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento

A medida é preventiva e perdura até a divulgação do próximo ciclo. Além de terem a comercialização suspensa, as operadoras que negaram indevidamente cobertura podem receber multa que varia de R$ 80 mil a R$ 250 mil.

Oito operadoras punidas em ciclos anteriores poderão voltar a comercializar 22 produtos que estavam impedidos de serem vendidos. Isso acontece, de acordo com a ANS, quando há comprovada melhoria no atendimento aos beneficiários. Das oito operadoras, sete foram liberadas para voltar a comercializar todos os produtos que estavam suspensos, e uma teve reativação parcial.