Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Anatel suspende venda de chips de Claro, Oi e Tim

Por Eduardo Rodrigues

São Paulo – A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) vai suspender a venda de chips das operadoras de telefonia móvel Claro, Oi e TIM, de acordo com uma fonte ouvida pela Agência Estado. As crescentes queixas dos consumidores em relação aos serviços dessas empresas motivaram a medida.

A agência convocou uma coletiva de imprensa para as 17h30 desta quarta-feira para falar sobre a qualidade do serviço móvel no Brasil. Na entrevista, a Anatel deve anunciar �duras� punições em relação à qualidade dos serviços, segundo a fonte.

As três operadoras estão entre as empresas que mais recebem queixas dos consumidores, de acordo com dados do Procon-SP. A Claro é a terceira companhia mais reclamada de janeiro a 17 de julho deste ano, com 2.320 queixas. A TIM aparece em sexto lugar, com 1.682 reclamações, e a Oi, em 11º, com 1.164 queixas. As ações das empresas operaram em queda na bolsa de valores durante a tarde desta quarta.

Na segunda-feira, o Procon de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, suspendeu a venda de linhas de telefones móveis e internet 3G das operadoras Claro, Oi, Tim e Vivo na capital gaúcha. O órgão alegou má qualidade do serviço de cobertura de sinal. Ontem o órgão informou que a suspensão poderia ser estendida a todo o Estado. As operadoras foram notificadas.

A assessoria de imprensa da Oi disse que a empresa só vai se pronunciar após o detalhamento das medidas. Já a Claro disse que ainda está apurando a informação. A assessoria de imprensa da Tim afirma que seus representantes terão uma reunião com a Anatel às 17h30 e que ainda não recebeu uma notificação formal sobre as punições.