Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Amil arremata hospital por R$ 55 milhões em leilão

Hospital Santa Marina, em São Paulo, fechou por dívidas de R$ 65 milhões em 2011

Por Da Redação 21 ago 2013, 16h30

A Amil arrematou por 55 milhões de reais o Hospital Santa Marina, em São Paulo, em leilão realizado na terça-feira, pelo Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região, em São Paulo. As informações foram divulgadas nesta quarta-feira pelo TRT-SP. Segundo o tribunal, o lote era composto por terrenos localizados na região do Jabaquara, na capital paulista, imóveis ali construídos e todos os equipamentos que compunham a instituição. O valor de avaliação era de 89,22 milhões de reais e o lance inicial, de 44, 61 milhões de reais.

Leia também:

Justiça determina que ANS refaça cálculos de reclamações contra planos de saúde

Fundado em 1971, o Hospital Santa Marina fechou em 2011. A instituição ocupava um terreno de 15 mil metros quadrados, com uma área construída de 25 mil metros quadrados e 265 leitos. Sua equipe multidisciplinar era de aproximadamente 1,2 mil funcionários. De acordo com o tribunal, o fechamento do hospital demorou cerca de um ano para acontecer de fato e os funcionários ficaram sem receber por mais de seis meses.

Atualmente, tramitam no TRT-2 cerca de 2 mil processos envolvendo o Hospital Santa Marina, sendo que 1.700 se encontram em fase de execução – etapa que se inicia quando o réu não paga o valor decidido pelo magistrado ou não cumpre o acordo trabalhista. A dívida do hospital gira em torno de 65 milhões de reais, segundo informações do tribunal.

Leia ainda:

UnitedHealth paga R$ 6,5 bi e vira dona da Amil

(com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade
Publicidade