Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Ambev confirma nova fábrica no estado do Paraná

A empresa confirmou investimento de 580 milhões de reais e a criação de 500 empregos diretos e indiretos após o início da operação, previsto para 2014

Por Da Redação 4 dez 2012, 13h29

A fabricante de bebidas Ambev confirmou nesta terça-feira a construção de uma nova fábrica no Paraná. Em nota, a empresa ratificou os aportes de 580 milhões de reais para uma nova unidade produtiva de cerveja e refrigerante, com a criação de mil postos de trabalho durante as obras e cerca de 500 empregos diretos e indiretos após o início da operação previsto para 2014. Inicialmente, a capacidade total de produção será de 7 milhões de hectolitros (unidade de volume equivalente a cem litros).

A empresa não informou o município escolhido para abrigar a nova fábrica, já que somente agora, com a assinatura do protocolo de intenções com o governo, é que vão ser iniciados os estudos para definir o melhor local para o estabelecimento. Entretanto, é grande a especulação de que a nova fábrica se localize em Ponta Grossa. Na segunda-feira o governo do estado do Paraná disse que unidade será enquadrada no programa de incentivos fiscais do estado, o Paraná Competitivo.

Leia também:

Ambev ultrapassa de novo Petrobras e se torna empresa mais valiosa na América Latina

No Paraná, a Ambev emprega mais de 15 mil funcionários, entre diretos e indiretos, e já tem duas unidades fabris: uma em Curitiba e outra em Almirante Tamandaré. Além das fábricas, a companhia possui seis Centros de Distribuição Direta (CDD) localizados em Curitiba, Paranaguá, Londrina e Francisco Beltrão.

“O Paraná é estratégico para a Ambev, por isso estamos investindo em uma nova unidade que será uma das maiores do Brasil. A Ambev já investiu cerca de 2 bilhões de reais em 2012, sendo que cerca de 75% desse valor foi investido no Brasil”, disse o vice-presidente de Relações Corporativas da Ambev, Milton Seligman, no comunicado.

Somente na região Sul, a fabricante investiu 85 milhões de reais na ampliação da capacidade produtiva da fábrica de Sapucaia do Sul (RS) e 8,9 milhões de reais na construção de um novo CDD em Santa Cruz do Sul, no Rio Grande do Sul. Além disso, as safras de cevada do PR e do RS deste ano já serão processadas na nova maltaria da Ambev em Passo Fundo (RS).

(com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade
Publicidade