Clique e assine com 88% de desconto

Alemanha confisca 35 toneladas de spinners importados da China

Produto oferecia perigo para crianças e não continha informações de segurança, segundo autoridades

Por Da redação - Atualizado em 21 jun 2017, 13h56 - Publicado em 21 jun 2017, 12h50

A Alemanha confiscou 35 toneladas de spinners, brinquedo de mão para rodar, na última sexta-feira. Os produtos foram apreendidos no aeroporto de Frankfurt em maio, segundo informações do The New York Times.

Os brinquedos foram importados da China. Autoridades alemãs teriam testado os spinners e descobriram que partes do equipamento poderiam cair, como as luzes de LED, o que aumenta o risco de crianças pequenas engasgarem com o produto.

“Também estão faltando outras informações, como instruções legíveis e informações sobre qual companhia produziu o produto”, disse a porta-voz do aeroporto, Christine Strauss.

Ainda segundo Strauss, a intenção é destruir os brinquedos de mão apreendidos. Também no mês de maio, sites de notícia norte-americanos relataram que uma menina de 10 anos engoliu um spinner.

Publicidade

Segundo o site Dallas News, Britton Joniec teria colocado uma parte do brinquedo na boca para limpá-lo mas acabou engolindo o produto, que ficou preso em seu esôfago. A mãe da garota dirigiu até a emergência, onde Britton foi transferida até o Texas Children’s Hospital para retirar o spinner.

O relato da mãe, Kelly Rose Joniec, também foi compartilhado no Facebook. “Nem todos os spinners vem com advertências em relação a idade. As pontas do brinquedo saem tão fácil… Mantenham em mente que há um perigo potencial de asfixia”.

O objeto feito de metal ou plástico foi criado em 1990 nos Estados Unidos para ajudar crianças com déficit de atenção e hiperatividade. No Brasil, o brinquedo vem fazendo sucesso entre os jovens e grandes lojas do varejo começaram a comercializar o produto a partir de 20 reais.

O Inmetro alerta que esse brinquedo é contraindicado para crianças com idade inferior a 6 anos. Se a criança for mais nova e já tiver ganhado um spinner, a recomendação do Inmetro é que o brinquedo seja retirado dela.

Publicidade

No caso das crianças maiores, o Inmetro aconselha que o brinquedo seja utilizado sob a supervisão de um adulto – nunca deixa-la sozinha com o spinner.

Publicidade