Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

99 lança alerta contra objetos perdidos – passageiros já esqueceram a mãe

Motoristas vão receber mensagem de voz pedindo que verifiquem se nada foi esquecido do carro; passageiros terão canal de contato

Por Redação - 16 ago 2018, 08h18

Um passageiro da 99 esqueceu a própria mãe dentro do carro após uma corrida com o aplicativo em São Paulo. O caso foi listado pela 99 entre os itens esquecidos dentro de veículos. Apesar de inusitado, a mulher não foi o único ser vivo deixado nos carros: um gato e papagaio também já ficaram para trás.

Ainda assim, é mais comum que passageiros esqueçam objetos: foram 160.000 itens recuperados pela 99 neste ano – semanalmente, são cerca de 5.000 casos. Para proteger mães e pets, o aplicativo lançou recursos que facilitam a localização dos itens. Até então, o usuário precisava entrar em contato diretamente com a empresa.

Com a atualização do aplicativo, os motoristas vão receber uma mensagem de voz pedindo que verifiquem se nada foi esquecido dentro do veículo – o recurso é ativado automaticamente assim que a corrida é encerrada.

A segunda novidade é o canal de contato entre motorista e cliente para a comunicação de perdas. Segundo o aplicativo, as ferramentas devem ser responsáveis por uma redução de 50% dos casos de esquecimento.

Publicidade

Outros itens deixados dentro de carros foram: perna mecânica, pia de banheiro, varinha do Harry Potter, microondas, 150 yakults, saco de folhas de amora e uma churrasqueira.

O motorista Tiago do município de Quixeramobim no Ceará conta que, recentemente, um passageiro esqueceu um objeto estranho dentro do porta-malas do seu carro. “Só depois, quando fui devolver, soube do que se tratava: uma máquina de inseminação artificial para equinos”, conta.

Os paulistanos são os passageiros mais esquecidos da 99, seguidos pelos moradores de Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Curitiba e Recife. As peças mais esquecidas são os celulares, carteiras e chaves. A 99 não cobra taxa pela devolução do objeto.

No aplicativo da Uber, os usuários também conseguem solicitar a devolução de itens esquecidos. É possível entrar em contato diretamente com o motorista ou com a empresa. Na primeira opção, a Uber conecta motorista e passageiro por meio de uma ligação. Há uma taxa de devolução no valor de 20 reais.

Publicidade

Durante o Carnaval deste ano, o aplicativo de transporte também elaborou uma lista com os itens mais esquecidos. Assim como na 99, os objetos foram celulares, chaves e carteira. Entre os mais esquisitos estão um botijão de gás, uma muleta e um trompete.

Publicidade